ADRIANE – VITILIGO


Assim que Adriane desenvolveu vitiligo, procurou o tratamento convencional, porém, as lesões continuaram aumentando. Sabemos que o vitiligo é uma doença autoimune estigmatizante de difícil controle.

Há 4 meses ela nos procurou em Campinas para tentar o tratamento com a vitamina D em doses hiperfisiológicas.

Prescrevemos o protocolo da vitamina D e excluímos o glúten tóxico da dieta da paciente. Adotamos essa conduta alicerçados em farta literatura internacional que aponta o glúten como um dos agentes etiológicos do vitiligo, bem como de quase todas as doenças autoimunes. As evidências clínicas são inquestionáveis.

adriane2Em apenas 4 meses Adriane livrou-se de 90% das lesões dermatológicas e recuperou a autoestima e autoestima e alegria de viver.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *